Nota da CBSK sobre o Ranking Paranaense

Resposta da CBSK referente ao ranking 2015 do circuito paranaense de skate.

“Bom dia.
Após os esclarecimentos por telefone que não foi elaborado um
regulamento específico para o Circ. Paranaense de Skate 2015 e desta
forma seguiu a premissa de respeitar o regulamento da CBSk constante no
site da confederação conforme a seguir:

SISTEMA DE PONTUAÇÃO E REGULAMENTO DO RANKING DO BRASIL SKATE PRO

A pontuação do ranking brasileiro de street skate seguirá as seguintes
regras;

1. Pontuam todos os atletas brasileiros inscritos nas competições
oficializadas pela CBSk de acordo com a tabela de pontos de
classificação final em cada etapa.

2. Caso o atleta seja suspenso da etapa, mesmo após a fase
eliminatória, perde seu direito de pontuação.

3. Toda etapa tem o mesmo peso de pontuação independente do seu tamanho
e/ou premiação.

4. Podem valer pontos para o ranking brasileiro etapas oficializadas
pela World Cup Skateboarding, ou outras entidades, realizadas em
território nacional, onde as inscrições sejam abertas a todos os
competidores profissionais filiados.

5. Todo competidor não brasileiro, não pontua. Uma competição que tenha
estrangeiros competindo, mas que conta pontos para o ranking brasileiro,
após a emissão do seu resultado final, deve descartar os skatistas
estrangeiros da classificação, apenas para efeito de pontuação.

6. Etapas realizadas apenas para skatistas convidados não valem pontos
para o ranking brasileiro.

Desta forma sub-entende que o Circ. Paranaense de Skate 2015 não teve
descartes de resultados e sendo assim sagrou campeão de cada categoria
os competidores que mais pontuaram, mesmo não vencendo nenhuma etapa.
Esclareço que os descartes são apenas para as notas do julgamento dos
juízes para cada apresentação dos participantes conforme segue:

3. Notas – Cinco juízes atribuirão notas para o desempenho dos skatista
sem cada parte da pista (cada Jam), porém, para obter-se a nota final de
cada juiz para um determinado skatista, será feita a média das notas
atribuídas em uma das partes da pista. Das 05 médias dos 05 juízes,
serão descartadas a maior e a menor e somadas às outras três, e em
seguida, dividido por 03 para obter-se a média final de cada skatista no
conjunto das Jams Sessions. As notas são comparativas, ou seja, além de
estarem relacionadas aos critérios de julgamento, também estão
relacionadas às outras notas de outros competidores.

Portanto não utiliza esta regra na contabilidade da pontuação do
Ranking, apenas na computação das notas de cada fase para cada categoria
numa determinada etapa.
Então, os campeões paranaenses 2015 foram:

Mirim: Leonardo Bibiano
Iniciante: Mozart Martins
Amador 2: Josnei Nascimento
Amador 1: Wesley Moska

Espero ter esclarecido as dúvidas e me coloco a disposição para
eventuais esclarecimentos.
Fica a sugestão para a partir de 2016 divulgar um regulamento
específico do Circ. Paranaense de Skate no site e redes sociais da Fed.
de Skate do Paraná para que episódios como estes não aconteçam mais.
Saudações,

Edson Scander
Vice Presidente
Confederação Brasileira de Skate”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *