Notícias

  • Home
  • Notícias
  • Kelvin Hoefler escreve nome na história das Olimpíadas com 1ª medalha do Brasil no Japão
Kelvin Hoefler escreve nome na história das Olimpíadas com 1ª medalha do Brasil no Japão

Kelvin Hoefler escreve nome na história das Olimpíadas com 1ª medalha do Brasil no Japão

img

O skate brasileiro escreveu o nome na história das Olimpíadas faturando a primeira medalha do Brasil nos Jogos de Tóquio. Kelvin Hoefler ganhou a prata na manhã deste domingo, no Japão (madrugada de sábado para domingo no Brasil). Um marco para a modalidade e um feito Mundial que estará para sempre gravado na memória do skate e das Olimpíadas.

Além de Kelvin, Giovanni Vianna (12º) e Felipe Gustavo (14º) também representaram a Seleção Brasileira de Skate Street.

Felipe Gustavo se tornou o primeiro skatista Olímpico da história, abrindo as baterias do dia. Kelvin Hoefler se apresentou na segunda e Giovanni Vianna estava no grupo da quarta e última bateria das classificatórias.

No domingo (BRA), às 20h30 (segunda-feira – 8h30 – JAP), será a vez de Pâmela Rosa, Rayssa Leal e Leticia Bufoni representarem o Brasil.

Nas Olimpíadas, Street e Park contam com 20 skatistas por categoria (Feminino e Masculino). As disputas são divididas em classificatórias e final (os 8 melhores), com as duas fases acontecendo em um mesmo dia. No total, serão quatro dias de competição (um para cada modalidade e categoria).

O Street segue o formato do circuito mundial, com duas voltas de 45 segundos e 5 tentativas de manobra. A nota final de cada skatista é composta pela somatória das 4 maiores notas.

O skate brasileiro confirmou o limite de 12 vagas por país nas Olimpíadas. O feito foi alcançado somente por Brasil e Estados Unidos.

Bio Street masculino

Kelvin Hoefler
Nascimento: 10/02/1993
Cidade: Guarujá – SP
Altura: 1,79 m
Peso: 77 kg
Base: Goofy
Ranking World Skate: 4º lugar

Principais conquistas:
Medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Tokyo 2020 (2021)
2 Medalhas de ouro nos X Games (Minneapolis-EUA 2017 / Oslo-NOR 2018)
5 x 1º lugar no World Cup Skateboarding (2010, 2011, 2012, 2013, 2014)
2º lugar no International Skateboarding Open Henan (CHN) 2019
3º lugar nos X Games Oslo (NOR) 2019
2º lugar no SLS World Championship 2018 (Rio de Janeiro-BRA / Janeiro 2019)
2º lugar nos X Games Sydney (AUS) 2018
3º lugar nos X Games Minneapolis (EUA) 2018
1º lugar no STU 2018
3º lugar no SLS World Championship 2017 (Los Angeles-EUA)
1º lugar no SLS World Championship 2015 (Chicago-EUA)
1º lugar no Brazilian World Cup 2014
1º lugar no Diamond World Cup 2014

Giovanni Vianna
Nascimento: 26/01/2001
Cidade: Santo André – SP
Altura: 1,75 m
Peso: 65 kg
Base: Regular
Ranking World Skate: 19º lugar

Principais conquistas:
1º lugar no Phx Am 2019 – Phoenix, Arizona (EUA)
1º lugar nos X Games Minneapolis (EUA) – Next X Skateboard Street 2018

Felipe Gustavo
Data de nascimento: 22/02/1991
Cidade: Brasília – DF
Altura: 1,75 m
Peso: 68,7 kg
Base: Goofy
Ranking World Skate: 17º lugar

Principais conquistas:
3º lugar no STU Nacional 2021
2º lugar Dew Tour 2019
3º lugar no SLS World Championship 2018 (Rio de Janeiro-BRA / Janeiro 2019)
2º lugar no STU 2018
3º lugar nos X Games Oslo (NOR) 2018
2º lugar no Tampa Pro 2018
1º lugar no Tampa Am 2007

Classificação final
1º – Yuto Horigome (JAP)
2º – Kelvin Hoefler (BRA)
3º – Jagger Eaton (EUA)
4º – Vincent Milou (FRA)
5º – Angelo Caro Narvaez (PER)
6º – Aurelien Giraud (FRA)
7º – Nyjah Huston (EUA)
8º – Gustavo Ribeiro (POR)
9º – Sora Shirai (JAP)
10º – Micky Papa (CAN)
11º – Jake Ilardi (EUA)
12º – Giovanni Vianna (BRA)
13º – Axel Cruysberghs (BEL)
14º – Felipe Gustavo (BRA)
15º – Luis Jhancarlos Gonzalez Ortiz (COL)
16º – Shane O’Neill (AUS)
17º – Yukito Aoki (JAP)
18º – Brandon Valjaro (RSA)
19º – Manny Santiago (PUR)
20º – Matt Berger (CAN)

Confira o cronograma do Street feminino!

Feminino
Domingo – 25 de julho (horário do Brasil)
Preliminares/Classificatórias
20h30 – Bateria 1 – Andrea Benitez (ESP), Annie Guglia (CAN), Neet Oldenbeuvig (HOL), Asia Lanzi (ITA) e Mariah Duran (EUA)
21h19 – Bateria 2 – Margielyn Arda Didal (PHI), Hayley Wilson (AUS), Julia Brueckler (AUT), Roos Zwetsloot (HOL) e Aori Nishimura (JAP)
22h08 – Bateria 3 – Momiji Nishiya (JAP), Pâmela Rosa (BRA), Alana Smith (EUA), Funa Nakayama (JAP) e Charlotte Hym (FRA)
22h58 – Bateria 4 – Lore Bruggeman (BEL), Rayssa Leal (BRA), Leticia Bufoni (BRA), Alexis Sablone (EUA) e Wenhui Zeng (CHN)
00h25 – Final

Park

A Seleção Brasileira Olímpica de Park segue em preparação na Califórnia (EUA). Dora Varella, Isadora Pacheco, Yndiara Asp, Luiz Francisco, Pedro Barros e Pedro Quintas chegarão em Tóquio no dia 28 de julho.

A modalidade completará a participação do skate nas Olimpíadas primeiro com o feminino, no dia 3 de agosto, terça-feira (04/08 – quarta – JAP) e, depois, com o masculino, dia 4 de agosto, quarta-feira (05/08 – quinta – JAP).

Ambas as categorias têm início previsto para às 21 horas pelo horário de Brasília.

No Park, nas classificatórias e na final cada skatista terá direito a 3 voltas de 45 segundos, valendo a pontuação da volta com maior nota.

Comissão técnica da Seleção Brasileira de Skate

A comissão técnica da Seleção Brasileira de Skate é formada por Tatiana Lobo (Chefe de Equipe da Seleção Brasileira Olímpica), pelos consultores técnicos Edgard Pereira Vovô (Park) e Rogério Mancha (Street), pelo auxiliar técnico Miguel Catarina (Park), por Julio Detefon (observador técnico), pelos fisioterapeutas Alison Paz (Park) e Carlos Barreto (Street), pelo médico Maurício Zenaide, pela psicóloga Juliane Fechio e pela nutricionista Carolina Ragugnetti.

(Fonte CBSk http://www.cbsk.com.br/)

Voltar